h1

Noção? Não trabalhamos.

outubro 24, 2008

Eu tenho três amigas que um belo dia decidiram passar um final de semana no Rio de Janeiro. Calor, corpos suados, morenos, sarados, praia, sol, mar… hum… parecia uma boa pedida.

Paulistanas MÊEEO, foram de carro, se perderam e perceberam que a rivalidade entre as duas cidades era mais do que um mito. Mas até aí, beleza.

Dia 1.

Metidas a sambistas, foram ao Carioca da Gema, bar na Lapa, assistir o show de Teresa Cristina. Já na fila conheceram algumas cariocas do mesmo naipe que elas, e partiram pra guerra acompanhadas de suas mais novas melhores amigas de infância. Beberam, beberam e beberam. Como disse, eram três. Uma simpática, uma não, e uma que realmente não se importa.

A simpática e a não-simpática dançavam loucamente na pixta com as cariocas. A terceira estacionou no bar e de lá não saiu. Eis que a chatinha foi pegar bebida e entrou na onda de sua amiga em fase de pré-alcoolismo… depois de 30 minutos, elas conversavam em francês fluente (!?!?!?!?!) enquanto desbravavam as comandas alheias. A miss simpatia que estava na pixta foi procurar suas duas filhas mais novas e:

– Moça, disse o barman. Acho melhor elas pararem de beber.

Ok, ok, ok, você venceu. Saíram do bar e a essa altura a amiga picolé de chuchu estava dançando SOZINHA, mostrando ao RJ todo o seu gingado de coqueiro.

Na hora de pagar, a amiga requebrante, única que trabalhava com BOLSOS naquela noite entregou suas comandas e todo o dinheiro às outras duas para pagarem. Contaram o dinheiro com todo o esforço de bêbadas que tiraram do âmago naquela altura do campeonato. Pouco antes de chegarem ao veredicto final, a amiga com encosto de carla perez pegou o dinheiro da mão da Srta. Bom Humor e jogou para cima, a la Quem quer dinheiroooooooooooo, má ôoooooe! A cena se repetiu por mais duas vezes até que, com a ajuda do segurança, conseguiram pagar a conta.

Chegando no albergue, dormiam num TRELICHE! Pela lógica dos cagados, obviamente a mais encachaçada dormia na cama mais alta. Com a ajuda divina, conseguiu subir. No dia seguinte, sabe-se JAH COMO, acordou pelada.

Dia 2.

Ligaram para suas recém best friends e as garotas convidaram-nas para ir a uma gafieira, o Democráticos, também na Lapa.

Encheram a lata, e começaram a dançar com os locais. O lugar era um fervo, 40ºC na frente do ventilador, mas isso não importava. Mocinhas como eram, amarraram seus cabelos e beberam ainda mais. Enquanto a não-simpática, que apesar de tudo adora dançar, bailava, as outras duas, que haviam recentemente recebido o espírito do pikatchu, disparavam seus raios laseres para todos os cantos. Eis que chega o alvo…

-Oi meninas!

-OEEEEEEEEEEEEEEEEEEEE! Nossa, você é modelo?

– Sou sim!

– Você malha, não malha?

– Um pouquinho, sabe como é né?

– Você já foi paquito? HAHAHAHHAHAHAHAHAHAHAHAHA, não se seguraram.

– Paulistas filhas da puta, e blablabla nhé!

OK. A outra terminou de dançar e ela, que havia presenciado a cena, mas não ouvira nada, foi se interar do assunto. Quem estava por perto jura de pés juntos que viu foguinhos saírem de seus olhos. Lá foi a bunita com toda sua ironia pegar o pobre paquitinho, carioca, pra Cristo.

– OEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEE!

– Oi Linda!

– Nossa, você é modelo?

– Sou sim, coo você sabe?

– Ah, sei lá, gato… deve ser seu corpo, você malha?

– Malho. E você?

-Eu não, mas nossa… eu acho que te conheço de algum lugar… Você já foi paquit…

-Filha da puta e blablablabla nhé.

SIMIJARAM de rir pouco antes de saírem fugidas da balada. Hoje, seus restos mortais descansam em paz em algum ponto desconhecido da cidade maravilhosa… NOT.

Elas continuam indo ao RJ, por que apesar de tudo, adoram a capital carioca e sonham em morar lá!

One comment

  1. Uiiiiiiiiiiii!!!!!!!!!!!!!!
    Adouro esse capitulo da nossa empreitada pela terra! hahaha
    Esqueceu do “THE END” que foi ver o pikachu sumindo no horizonte de botafogo…. hahaha
    E de Paris Hilton do alto de sua Finesse brigando com o cara do cachorro quente ” Moço como assim tem UVA PASSA no cachorro quente?! UVA PASSA É UMA MERDA!” as 5 da manha e o moço carioca morador da Pavuna achando muita graça sabe… Sorte estarmos vivas até hj.



Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: