h1

Passando todos os limites de FDPutice

abril 12, 2012

Quando terminei de ouvir a longa história que vou contar a vocês, demorei uns bons minutos para esboçar alguma reação. Mas digo que o primeiro pensamento que me veio à cabeça foi: “depois que as muié viram tudo vagabunda, elas que estão erradas, êta mundo”.

 A amiga namorava fazia uns três anos. E era muito feliz. O sujeito era carinhoso e atencioso, filho de um casal amigo dos pais dela havia muitos anos, de ótima índole. Os planos de casamento já faziam parte da pauta, tanto que os dois tinham comprado, juntos, um apartamento, onde ficavam toda semana de quinta a domingo, meio que pra irem já se acostumando aos trâmites da vida conjugal.

Um detalhe importante sobre o desenrolar da história: o então noivo da amiga era bem de grana e bastante ambicioso, sempre preocupado em ganhar mais dinheiro, construir uma carreira de sucesso e subir ainda mais na vida. Isto posto…

Pois bem, a amiga conta que, um belo dia, o sujeito começou a ficar estranho, frio, distante. Foi dando sinais cotidianos de que algo não ia bem. A amiga pensou “poxa, ele deve estar entrando na pira de casar, todo homem passa por isso, normal”. O bonito ficou fora por uns dias em um congresso e, quando voltou, estava ainda pior. Aí ela começou a ficar desconfiada de verdade, mas tentou não pirar muito nessa desconfiança.

 Pouco tempo depois, estava a amiga no canto dela quando começou a receber vários telefonemas de amigos e conhecidos dando parabéns. Ela respondeu com surpresa a todos, que disseram “nossa, como assim parabéns por que, você não está grávida?”. Claro que ela não estava.

O cara é tão xarope que foi capaz de traí-la, engravidar a outra e, antes de falar com ela, contar nas redes sociais que ia ser pai. Vocês têm noção?

A amiga, ensandecida, começou a ligar para ele, foi até a casa da mãe dele, mas nada de ele atender ou aparecer. Ela então baixou no apartamento dos dois e, quando chegou lá… Surpresa! O porteiro não a deixou subir, por ordens dele. Ela só conseguiu entrar após uma boa cota de escândalo, e quando entrou, se deparou com o apartamento praticamente vazio. Ele levou TUDO embora, todos os móveis e eletrodomésticos.

 Passada, magoada e completamente desiludida, a amiga ficou sem saber o que fazer. Sem conseguir contato com o cara, que sequer se dignou a lhe dar um fora, ela passou por dias e dias de trevas. Quando começou a se sentir melhor, combinou de tomar um chope em um boteco com uma amiga. Beleza, se arrumou, saiu de casa e, no meio do caminho, a amiga dela ligou sugerindo mudança de local. Como a voz do outro lado da linha estava estranha, minha amiga logo imaginou o que estava acontecendo. E foi até o lugar combinado mesmo assim.

Quando chegou, se deparou com o safado sentado em uma mesa com todos os amigos em comum dos dois, apresentando a eles a mãe do seu filho. Mesmo emputecida, ela não desceu do salto e ficou observando de longe, enquanto os amigos vinham até a mesa dela perguntar “fulana, PELAMORDIDEUS, o que está acontecendo aqui?”. Aos poucos, as pessoas foram migrando para a mesa dela, deixando o ex puto da vida.

O que a amiga queria a essa altura era apenas a oportunidade de falar todas as verdades do mundo olhando na cara do infeliz. Como ele estava se esquivando, ela forçou para dar de cara com ele num canto e despejou. Deu até tapa na cara! Achei ótimo, embora muito abaixo do merecido.

Com esse rolo todo, para vocês terem uma ideia, a mãe do maldito entrou até em depressão. Com isso, a minha amiga não quis levar a história pra frente. Não processou, não fez nada. Perdeu toda a grana do apartamento e das coisas que estavam lá. Saiu do relacionamento, literalmente, fudida e mal paga.

Image

Agora, vocês querem saber o que aconteceu depois? A amiga apurou logo após o incidente do bar que a moça grávida não sabia que ele era noivo – obviamente, ele contou uma história distorcida que supria às necessidades dele e queimava a minha amiga. Porém, os amigos em comum fizeram questão de contar para a grávida toda a história: que ela tinha sido enganada, que o cara acabou com a vida da minha amiga, que ela (a grávida) estava dormindo na cama da minha amiga e guardando a comida dela na geladeira da minha amiga. Resultado: a coitada da moça perdeu o bebê e terminou com o cara. Ele? Não sabemos se melhorou ou piorou, se ficou amargurado, mas está sozinho até hoje. A minha amiga? Teve outros relacionamentos depois disso e agora está numa boa, tanto que conta essa história na mesa do café como quem conta um capítulo da novela das oito.

Image

E vocês sabem o que é mais legal disso tudo? Lembra que eu comentei lá em cima que era importante saber que o babaca era obcecado por dinheiro e poder? Pois então, vocês sabem por que, Deus, ele jogou fora um relacionamento de três anos engravidando outra mulher? Porque a outra tinha cargo mais alto que o dele na empresa em que os dois trabalhavam e ele achava que, comendo chefe (e engravidando, consequentemente), a carreira lá dentro ia deslanchar! Não é lindo?

Até onde temos notícias, o gato continua trabalhando na mesma empresa. Pelo menos conseguiu então não ser demitido depois do bafão na época. Mas olha, ficam aqui os sinceros votos desta blogueira, em nome de todas as mulheres que já foram passadas para trás nessa vida: TOMARA QUE ESSE FILHO DE PUTA COM SOLDADO RASO TERMINE A VIDA MENDIGANDO NA RUA. Sem um real no bolso e, principalmente, sem ninguém. Esse não merece nem o amor dos cachorrinhos vira-latas. 

4 comentários

  1. Quero saber quem é essa pessoa, peloamordedeus!!!! hahahahahahaha


  2. bafo bafonico


  3. Trair e engravidar a outra acontece todo dia mas o cara não foi homem de assumir a merda e ainda tomou a grana da mulher que ele só machucou, a traida devia processar por danos morais e deixar o cara sem nada, pelo menos pra zerar as coisas.


  4. moça, veja com um advogado se o crime de danos morais não prescreveu e entre na justiça!! busque seus direitos! a mãe do safado nem é mais sogra sua, não se importe com ela! homem com educação de berço não dá uma de moleque assim abs



Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: